Wednesday, January 02, 2008

O cigarrito...




Pois é, actualmente os indivíduos da minha laia, e saliento o termo, da laia dos fumadores, foram escorraçados de todos os locais de convívio, lazer, trabalho, etc.
Se queres continuar a fumar, vai para a rua simplesmente!
Mas, Sr. Ministro, não se arranja pelo menos umas salitas de fumos à conta do governo? É que, como se apregoam tanto as chamadas “salas de xuto”, pensei que talvez também arranja-se qualquer coisinha para nós, os ignóbeis fumadores.
Ouvi hoje o Eng. Macário Correia, todo satisfeito, vangloriar-se de que já ele tinha iniciado esta luta por uma vida mais saudável a 15/20 anos atrás. Disse ainda, que comprou um maço de tabaco quando tinha 14 anos, fumou meio cigarro e ficou extremamente mal disposto, não conseguindo entender, como alguém pode fumar um cigarro saber-lhe bem e depois fumar outro e outro e continuar todo satisfeito. Pois olhe Sr. Eng., eu não consigo entender como é que alguém como o Sr. Eng. vai todos os dias para o trabalho de bicicleta, realiza todas a actividades diárias que exigem deslocação local de bicicleta, e chega todos os dias a casa muito bem-disposto. Satisfeitíssimo, no dia seguinte, volta a fazer o mesmo. Será porque todos somos diferentes? Será que isso é definição de liberdade? não sermos todos obrigados a ter uma vida saudável, podendo, dentro dos princípios da liberdade, alguns de nós optarem por determinadas atitudes menos ortodoxas aos olhos da sociedade, mas importantes para o seu prazer pessoal e para a sua saúde psicológica, esta também importante?
Logicamente, aceito que quem não fuma, não pode e não deve ser obrigado a respirar o meu fumo, aceito igualmente que não se possa e não se deva vender tabaco a menores e que essa situação seja devidamente penalizada, só não aceito que os fumadores sejam tratados como um bando de marginais escorraçados de todo e qualquer local de convívio de social em nome de quem não fuma.
Aceitaria de bom grado que se tivesse criado a figura de Cafés, Restaurantes, Discotecas, etc. para não fumadores (lógico que no local de trabalho esta situação é incomportável) e as pessoas passassem a frequentar os locais que mais lhe agradassem. Aceito perfeitamente que me seja vedado o acesso a um local de não fumadores, querendo eu fumar nesse local, assim como seria também vedado o acesso a um não fumador em locais de fumadores se o local não estivesse nas condições de salubridade por este pretendida, ou então teria que se sujeitar a essas condições, no caso de optar por entrar, como eu me sujeitaria no caso de entrar em local de não fumadores, mas pelo menos tinha o direito de escolha e tinha opção coisa que não tenho neste momento.
Posso complementar dizendo-vos que não me chateia muito, mais esta imposição do nosso querido governo (farto de imposições já estou eu, qualquer dia habituo-me), acabo por gastar menos dinheiro em cigarros e fumar menos, só me chateia este tipo de atentado à liberdade como se houvesse 2 ou 3, os fazedores de leis, que mandam nisto tudo sem se incomodar ou pedir a opinião de quem quer que seja e sem a preocupação, neste caso, pelas minorias.


Volto a salientar que estou de acordo que não podem ser, os não fumadores, obrigados a respirar o fumo dos que fumam, só acho que deveriam ser deixadas alternativas para os que fumam.
Por hora, ainda não é proibido fumar na rua ou em casa de cada um, pelo menos até que algum iluminado se lembre, que nós o fumadores estamos a contribuir para o aquecimento global. Não deve faltar muito. Podem preparar-se que a seguir é o álcool, há muito boa gente que fica extremamente sentida e adoentada com o cheiro a álcool nos locais de diversão, portanto, por uma questão de bom senso e saúde pública, e já que faz tão mal e é também uma das principais causas de morte no País, proíba-se o consumo de álcool nos estabelecimentos comerciais (nos Estados Unidos, há uns valentes anos tiveram essa ideia e deu bom lucro para alguns…).
PS: gostei imenso de alguém que disse, não me lembro quem foi, “…retirar a liberdade aos fumadores? Nem pensem nisso, agora até fumam ao ar LIVRE.”.
Cumprimentos,

29 comments:

Pistoleiro said...

Seringas nas prisões para se drogarem, salas de chuto, para se drogarem, nos estabelecimentos de bebidas e diversão, que são espaços da lazer convivo etc., nada, e esta hein

eu via os jogos do sporting no "t" said...

north ainda não percebi uma coisa se o estado está tão preocupado com os não fumadores por eles dizerem que são obrigados a respirar o nosso fumo, então porque não acaba com o tabaco? já sei porquê, porque assim ganha dinheiro duas vezes, uma na venda do tabaco e outra nas multas se algum de nós for apanhado a fumar num recinto que tenha uma etiqueta a dizer proibido fumar. um abraço eu vou voltar

Anonymous said...

Don't drink, smoke and "fly"...

speekcs said...

Don't drink, smoke and "fly"...

Anonymous said...

Já fui fumador durante muitos anos e felizmente agora já não fumo, tambem ha alguns anos. Eu gosto de frequentar alguns bares ou cáfes, e só eu sei como chego a casa com a roupa a tresandar de cheiro a tabaco, que têm que ir logo para lavar, a roupa e Eu. Por causa de alguns fumadores que se encontram por lá.E agora pergunto eu o que é que eu faço para prejudicar os outros, so se for poluição sonora.

Alex said...

Pois é... temos que nos aguentar sem tocar na chicha.

Um abraço

don't walk on da grass said...

olá Jony,
retirado do correio da manhã de hoje:
“Se isto continua assim não aguento mais de dois ou três meses. À noite, altura em que tínhamos mais gente, fica um deserto”, lamenta Sameiro Ferraz, do Café Carneiro, em Vila Verde. Diz que a grande maioria dos clientes é fumadora e está a desistir de ir ao café por ser “desagradável fumar ao frio”.
Mais determinado em avançar já com as alterações para permitir que se fume no interior do seu café – em Andrães, Vila Real – está António Silva, face ao decréscimo de mais de 50 por cento nas receitas.

“Os clientes entram, tomam um café, saem para fumar e já nem voltam. Agora nem se joga às cartas ou ao dominó, o que fazia com que os clientes bebessem sempre qualquer coisa”, explica o empresário, adiantando que pediu a uma empresa especializada a elaboração de um estudo para transformar o café em espaço para fumadores.

Eu não percebo: os não fumadores queixavam-se do fumo para limitar as idas aos cafés, o que os incomoda agora para continuar a não irem lá? relax, pas de problème, não precisam de se justificarem pois por o andamento da carruagem em breve já não haverá cafés não fumadores!

diz que é uma espécie de democracia! O que é interessante neste mundo de contradições e parvoíces é que em certos países de opressão, onde a liberdade dos cidadões é um conceito determinado por uma unica pessoa para o bem de todos, até nesses paízzzes pode se esfumarçar à largadère!
Viva cuba, até charutos pode-se fumar !!!

TSFM said...

Concordo com a parte de não se dar alternativa aos fumadores, para estes poderem fumar e "matarem-se" conforme quizerem. A grande liberdade é poder proporcionar a qualquer cidadão condições de exercer essa mesma liberdade. Porém, a lei no tocante à defesa dos não fumadores é boa. Havia obrigatoriamente a necessecidade de proteger os não fumadores. Sem cpomplexos de qualquer espécie informo que eu fumei durante uns 20 anitos, mais ou menos metade da minha existência.

eu via os jogos do sporting no "t" said...

eu sendo um fumador e não sou nenhum propietário de algum "tasco" café ou bar. deixo a seguinte pregunta porquÊ que quando se podia fumar nestes referidos lucais os não fumadores diziam "epá está aqui muito fumo não se pode estar", e eles iam embora? agora que não há fumo qual é a desculpa deles(não fumadores)será "estavamos habituados a muito fumo agora não há fumo não tem piada estarmos aqui, já não podemos reclamar"'

don´t walk on da grass said...

Jony,
acabo de ler um post no blog do companheiro Tsfm, acerca das actividades culturais em Abrunhosa momentaneamente em Stand-by.
Tambem ví o teu comentário e já me conheces, eu calado? nem a dormir! (pois ressono que nem um javali)
fica aqui uma sugestão: e que tal fazer animação no CRDA com sala fumadores. pois a nova geração fuma ou não se incomoda com os que fumam (as leis anti tabaco são feitas por pessoas de idade>55 anos e temem a hora do fim...).

De um tiro mata-se vários coelhos e responde-se a vários tópicos de blogs abrunhosenses: falta de animação, de cultura e de fumo...

Já agora deixo aqui um "recado" aos nostalgistas do tempo antigo em que se fumava barbas de milho a ouvir Paco bandeira e a comer castanhas abeladas: meus senhores quando a juventude dessa altura participava ou organizava alguma coisa havia sempre assistência: é verdade que havia na altura mais jovens mas tambem não é menos verdade que nessa altura os "mais" velhos (pais e avos) tambem vinham apreciar e conviver.
Nutro o maior respeito por essas alturas e não me canso de ouvir as histórias do tempo dos meus pais e avos e bisavos (pois sou abrunhosense e a viver em Abrunhosa há já mais de 7 gerações).
o que se está a passar não é de modo algum um problema de geração, trata-se em parte de problema demográfico e de novo estilo de vida.
onde está a maior parte do pessoal que vi na foto do blog do TSFM, que data de 80-81 no CRDA, quando há animação em Abrunhosa?

keep cool

TSFM said...

Don't walk on the grass, gostei do teu texto. Não sei quem és, mas gosto da tua maneira de te exprimires. Bem...só podias de facto ser abrunhosense e, tal como eu, de vetustas gerações. Mas, quanto à questão que colocas eu vou já responder:
Quando há animação na Abrunhosa (festa do Sr do Calvário e a festa de Agosto) eu estou presente, a minha mulher (que também está na foto também, a Judite também, o meu compadre Vitor na maoir parte dos anos também, bem como o Zé-Tó, e a Guida, que também nunca falta. Bem...agora quanto aos que não vão aparecendo, pelo menos em Maio, o Ilídio está emigrado na França, a Olga está nos USA, e o Albnerto (atrás da Olga) como é polícia em Lisboa nem sempre pode estar presente, mas tenho-o visto.
A outra parte da questão é quanto à animação no CRDA. É a minha vez de perguntar: onde está, a não ser de vez em quando (e é de louvar, acredita) o Karaoke que o nort faz. Mas, e o resto? Cultura e animação não pode ser só Karaoke...
Não me leves a mal, mas eu insisto...acho a Abrunhosa muito parada...e a agitação tem que passar pelo CRDA. Antigamente passava, e digo-te também que quando, cerca de 8 a 10 anos após esta foto, eu fiz parte da direcção do CRDA durante longos anos e nunca faltou animação, e tu deves lembrar-te disso concerteza.
Mas, insisto: a Abrunhosa precisa de gente dinamica, isto é: mais dinâmica...Viva a Abrunhosa.

REPITO: don´t walk on da grass said...

Caro Tsfm,
o anónimato do meu nickname visa a discutir temas dos mais variados sem ter de justificar a legitimidade da minha pessoa ou posição social para comentar.
voltamos ou assunto: já percebí que aquela do Paco Bandeira foi forte!
normalmente limito-me a ser do contra mas fica um reparo: todas as gerações são necessárias para que uma associação como o CRDA funcione, sempre foi e será sempre assim e as direcções do centro vão e vêm mas só primam aquelas que conseguirem reunir todas as faixas etárias da nossa big city. o desafio torna-se mais complicado com o inimigo que assombra a humanidade e a vai conduzir ao seu fim: a escolha.
a sociedade proporcionou às pessoas condições para poderem escolher o que precisam e a sociedade de consumo proporcionou
às pessoas de escolherem aquilo que não precisam.
Daí prefiro ir a um bar onde não conheço ninguem mas onde posso fumar um cigarro que lentamente mas seguramente me mata aos poucos do que ficar nesta "parvalheira" a ouvir mais uma excelente actuação do Jony´s karaoke, onde os riscos são a figadeira e ouvir novamente um triste a cantar o Paco...

Toda esta retórica tem um responsável: o ministério da saúde...
pois já estive a passear e a meter nojo em outros blogs e cheguei a uma conclusão: os comentários são cada vez mais compridos desde o 01/01/2008.

Fica o aviso: se não abrirem mão dos fumos vai haver congestionamento de blogs...

quintas said...

north eu sou um novo visitante, e não te conheço muito bem,mas acho que serias um bom primeiro ministro,ou pelo menos igual ao que temos, escrevias tu no primeiro comentario "Semanalmente surgirá uma nova conspiração que vos deixará sempre na dúvida!". pois a minha duvida é quantos dias tem uma semana? ou será que és como uma pessoa que nós conhecemos que não faz nada daquilo que diz?

Freaky said...

Tenho um novo blog e é dedicado aos Cocktails chama-se MixDrinks e a direcção é ... http://www.mixdrinks.blogspot.com

adam brown said...

Hello I just entered before I have to leave to the airport, it's been very nice to meet you, if you want here is the site I told you about where I type some stuff and make good money (I work from home): here it is

adam brown said...

Hi again, see tthis is the site i told you i signed up to. It has some nice information about how to make money using OPP, i think you might find it interesting. here it is. bye!

adam brown said...

Hi again, see tthis is the site i told you i signed up to. It has some nice information about how to make money using OPP, i think you might find it interesting. here it is. bye!

Anonymous said...

Lucky Lucke tinha os irmãos Dalton. Nós, que me lembre, nos últimos anos, com alguma notoriedade, temos tido os irmãos Cavaco, os irmãos Portas, os irmãos Pinto e, agora, num afã permanente, os irmãos Pedroso. O seu último alvo é o António Caldeira, do Portugal Profundo. Nos interstícios de flagelarem o próprio Estado e respectivo erário, estão a molestá-lo em tribunal, ao desvalido António, a pretexto de 43 crimes de difamação.
Estou em crer que há duas infelizes coincidências que convergem nesta sombria encruzilhada: por um lado a deficiente fulanoscopia do António Caldeira; por outro, a cara de caso do Pedroso que é Paulo. Dupla e problemática deficiência, portanto. Do Caldeira que, com os olhos que tem na cara, não reparou nas asas penugentas que o outro, bem amochiladinhas, carrega nas costas; do Pedroso que, com a cara que tem à volta dos olhos e a falta de barba para lá pôr, lembra mais cu que fronha de homem e induz em erro o transeunte. Resultou disto incriminado o António por via dos olhos que traz na cara, como incriminante é no outro a falta de cara onde traz os olhos.
Falta apenas dizer que, mais que tudo isto, o que me deixa perplexo é como é que se pode ainda processar alguém por difamação neste país. Especifico: como é que se pode julgar como crime algo que já alcançou foros de costume? Em que os eleitos existem para difamar, mais por acções que por palavras, aqueles que os elegem; e os eleitores existem para difamar, mais por palavras que actos, aqueles que acabam de eleger... Pelo que, vista friamente a coisa, difamar tornou-se um crime impraticável, equivalente ao homicídio dum cadáver.
Não; crime, agora, só se for falar verdade.

Anonymous said...

CDS-PARTIDO POPULAR

Nº 07 NOTA DE IMPRENSA 18/04/2008


BARRAGEM DE GIRABOLHOS
ou
BARRAGEM DE ABRUNHOSA DO MATO-GIRABOLHOS?

- Em vez de embandeirar em arco, a Câmara deve lutar para que a barragem inclua o nome de Abrunhosa do Mato -

No momento em que se multiplicam as tentativas (das hostes do poder laranja em Mangualde e também da oposição socialista) de aproveitamento político da decisão de construção da dita Barragem de Girabolhos, da qual foi hoje lançado o concurso público, entende o CDS-PP chamar a atenção dos Mangualdenses para o facto de, até ao momento, nenhuma das forças políticas referenciadas e também e principalmente (até pelas responsabilidades institucionais que lhe cabem…) a Câmara Municipal de Mangualde, ter assumido a defesa de que a barragem venha a adoptar o nome de BARRAGEM DE ABRUNHOSA DO MATO-GIRABOLHOS, ao invés do anunciado Barragem de Girabolhos, no respeito por expectativas criadas desde há dezenas de anos e, diga-se, pela localização de facto da dita barragem, afinal projectada para bem mais perto de Abrunhosa do Mato, que de Girabolhos, não parecendo relevar o facto de no local confluir, pela margem esquerda, a pequena ribeira de Girabolhos.

Dá-se mesmo o caso de, do lado de Abrunhosa do Mato, existir caminho transitável, feito visando este objectivo, até ao local da Barragem, o que não pode deixar de ter um significado.

E não se trata de uma mera questão de bairrismo, nem estamos perante uma questão menor!
De facto, sendo a Barragem óbvio factor de desenvolvimento regional, o seu impacto local será tanto maior para as populações das suas margens, quanto puder ser”vendida”/promovida a “marca” (o nome) das povoações que servirão de apoio às actividades que se potenciarão, sejam de ordem estritamente económica, sejam de ordem turística e, como tal, social.

E, manifestamente, deixar que vingue Girabolhos (concelho de Seia – freguesia de Girabolhos), deixando no esquecimento Abrunhosa do Mato (concelho de Mangualde – freguesia de Cunha Baixa), afinal o concelho onde se verificarão maiores impactos (envolvendo as freguesias de Cunha Baixa, Santiago de Cassurrães, Póvoa de Cervães e Abrunhosa-a-Velha), já que, na margem esquerda, tais impactos se distribuirão por Seia e Gouveia, será permitir que, por razões que a razão desconhece e por claro mas injustificado e imperdoável desinteresse, outros aproveitem em exclusivo do que, legitimamente, deverá ser partilhado.

As populações de Abrunhosa do Mato têm a isso todo o direito.

Compete aos responsáveis políticos garantir o reconhecimento de tal direito e, como tal, a mudança do nome anunciado para o de BARRAGEM DE ABRUNHOSA DO MATO-GIRABOLHOS.

As populações julgá-los-ão pelo que, agora para o facto alertados, se interessarem por fazer!

Ao CDS-PP reconhecerão o papel determinante que entendemos assumir em termos da promoção e desenvolvimento do nosso Concelho e das populações que nos habituámos a servir.

Mangualde, 18 de Abril de 2008
Comissão Política Concelhia de Mangualde do CDS-PP


José Carlos Almeida Ribeiro
(Presidente da Comissão Política)




PS:
Se tiver interesse em conhecer em pormenor o projecto da Barragem, entre em:

http://www.inag.pt/images/diversos/temporario/Seguranca_de_barragens/PNBEPH_Anexo08_Girabolhos.pdf

Ao longo de 31 páginas vai poder tomar contacto com:
1 - Caracterização do Aproveitamento
2 - Aspectos económicos
3 - Aspectos sociais e ambientais
Desenhos (vários)

Anonymous said...

"CIGARRITO"
Ultimamente dois casos ocorreram que tornam urgente que preparemos a nossa saída da UE: aproveitando a presidência alemã da UE, a Chanceler Merkel decidiu alargar aos restantes membros da UE, a lei de delito de opinião, aquem possa pôr em causa o que os vencedores na 2ª Guerra Mundial, decretaram como verdade oficial, nomeadamente no que diz respeito ao nazismo etc.
O segundo caso mexe com a ZEE, saõ conhecidas as apetências de várias potências em disporem das nossas águas, tendo o Direito Comunitário vindo a trabalhar para mudar o status quo, em detrimento dos interesses portugueses.
Devido a estes Ventos da História actuais e devido ao futuro do tratado constitucional, devemos preparar desde já a nossa saída da UE.
Uma aliança, um pacto, uma família, só se sustém enquanto forem útil às partes que a constituem.
É o caso da permanencia de Portugal na UE, A UE ou melhor a CEE foi útil enquanto espaço de concórdiae Paz, originando uma melhoria nas condições de vida e justiça social.
Caros amigos, que se dane a Europa. Prefiro ser um português pobre mas inteiro do que um europeu perdido, formiga obreira de interesses que não entendo, nem aceito, mas que me manipulam, Não,obrigado.
Não desejo trocar o Afonso Henriques pelo Carlso Magno, o queijo da serra por um camembert esterilizado, O Direito Português por um direito de Bruxelas, não quero os espanhois a mandarem nos noticiários da TVI.
E vamos continuar a comer as nossas alheiras caseiras que a ASAE também quer acabar devido a Leis emanadas da UE, e que venha a próxima Feira das febras em Mangualde, desta vez com mais barracas do que no ano ANTERIOR.

bernard n. shull said...

i did a little research after you told me about your "thing", and if you want a way to make more money using your your blog you can enter this site: link. bye.

bernard n. shull said...

hi mate, this is the canadin pharmacy you asked me about: the link

rualheque said...

acende os cigarros, para fazeres algo diferente nesta pagina

joão oliveira said...

desejos de um feliz Natal e um mui próspero ano 2009

Anonymous said...

http://partyzuccas.blogspot.com/

Anonymous said...

ANTENA 3 – PARTY ZONE – MANGUALDE 30 DE MAIO 2009
UM FLYER NO CARRO, UMA ENTRADA

Associa-te a esta campanha: coloca um Flyer no vidro traseiro do teu carro e habilita-te a uma entrada grátis na Ant3na 3 – Party Zone, no dia 30 de Maio em Mangualde. Para isso, basta tirares uma foto à traseira do carro onde seja perceptível, o flyer e a matricula do carro, envia por mms com o teu nome, para um dos seguintes números 932 650 003, 917 564 426 ou 932 326 199 ou por e-mail para partyzuccas@gmail.com. Se eventualmente já compraste o teu ingresso num ponto de pré - venda ou junto de um dos nossos colaboradores, se fores o sorteado devolvemos-te o dinheiro.
O sorteio será no dia 29, o resultado será afixado na bilheteira no dia do evento.

Kamané (para os amigos) said...

http://laranjasnoespeto.blogspot.com/

Anonymous said...

www.povoeverdade.blogspot.com

Anonymous said...

http://www.maps.google.com/ - [url=http://www.wikipedia.org/]wiki[/url]
mail